Aplicações Mobile com o Xamarin Studio

Introdução

Uma das linguagens de programação que tem tido um aumento susceptível a nível de popularidade, é o C#. Cada vez mais, esta tem sido a escolha feita pelos programadores para por as suas ideias em prática, nos mais variados tipos de software. Chegou a altura de esta ter uma palavra a dizer no que toca a aplicações Android e IOS, visto que só era aplicada para apps Windows Phone.  Para ajudar a festa, temos o Xamarin Studio.

Descrição

O Xamarin Studio é um IDE que traz consigo um vasto conjunto de features, o que irá ajudar ao desenvolvimento de aplicações visualmente atractivos e com relativa facilidade, utilizando todo o poder do C#.  Neste artigo, vou mostrar como podem criar uma aplicação para dispositivos Android, uma app de introdução muito simples. Convém verificar durante a instalação do IDE se o Android SDK é instalado (é instalado normalmente junto com o Xamarin Studio), pois sem ele não vamos poder criar qualquer tipo de projecto.

Welcome Screen do Xamarin Studio

Figura 1: Welcome Screen do Xamarin Studio

O processo de criação de um projecto de aplicações Android no Xamarin, não foge muito ao que é “normal” em todos os IDEs. A imagem abaixo mostra os passos por ordem numérica que são necessários para a criação do mesmo.

Xamarin: Passos ordenados de 1 a 5 para a criação do projecto Android

Figura 2: Passos ordenados de 1 a 5 para a criação do projecto Android

Depois deste processo, é criado o projecto na qual vamos trabalhar. Digamos que os utilizadores de Android Studio, não deverão ter dificuldades em perceber a estrutura do projecto em si, pois são muito semelhantes. No lado esquerdo da janela do IDE, está a Solução ou o Projecto propriamente dito (ver figura 3). 

2

Figura 3: Estrutura do projecto

Na Solução, podem ver que os ficheiros apresentados são familiares a programadores Android, por isso, neste artigo não vou alongar muito mais a explicação dos mesmos. 

 Vamos passar a aplicação propriamente dita. Para podermos ver o layout da aplicação assim que o projecto é criado, basta fazer abrir a pasta layout e fazer double-click no Main.xml. Assim poderão ver como está a vossa aplicação em termos de apresentação. Na mesma janela, tem uma opção para editar o layout por drag and drop, Content (ver figura 5), ou então por código puro, Source (ver figura 4). 

Xamarin: Source

Figura 4: Source
Xamarin: Content

Figura 5: Content

Em seguida, na estrutura do projecto, vamos abrir o ficheiro onde está o principal código da aplicação, o MainActivity.cs. Por defeito, o Xamarin já cria código de exemplo, para que a aplicação corra de imediato no emulador ou dispositivo físico. Explicando rapidamente o que esse código faz, é uma função que contabiliza o número de cliques que são dados num botão, aprestando os dados dentro do mesmo. Poderão ver isso na figura abaixo (ver figura 6).

Xamarin: Source Code

Figura 6: Source Code

Neste artigo, não vou aprofundar nenhum código específico, ou desenvolver algo, sendo que, o que falta aqui é ver a aplicação a funcionar. Para tal, vamos ter de ir à barra de menu do Xamarin, clicar em Ferramentas e no sub-menu escolher a opção Android Devices…. Abrirá uma pequena janela com uma lista dos emuladores que já estão predefinidos no IDE, mas vamos criar o nosso próprio. O processo é exactamente o mesmo que no Android Studio, ou no SDK. Depois de o emulador estar criado, vamos executar a nossa aplicação, simplesmente carregando no botão Start, no canto superior esquerdo do nosso IDE. Assim, desta maneira vamos ver a app em acção (ver figuras 7 e 8).

Xamarin: Aplicação inciada

Figura 7: Aplicação inciada
Xamarin: Aplicação em execução

Figura 8: Aplicação em execução

Conclusão

Com o Xamarin, é muito fácil começar um projecto para qualquer aplicação Android ou IOS. Agora é dar asas à imaginação e começar a programar.