Windows 10: As novidades do Creators Update (Build 15063 – Version 1703)

Bloqueio dinâmico

Outra novidade de segurança interessante do Creators Update é o Bloqueio dinâmico (Dynamic Lock). Em traços gerais, o Windows Hello pode usar um qualquer iPhone, Android, ou Windows Phone emparelhado via Bluetooth para detetar quando o utilizador se afastada do PC, bloqueando o mesmo automaticamente ao fim de 30 segundos como uma mediada adicional de segurança. Para além dos smartphones, os utilizadores podem usar outros dispositivos como por exemplo Fitness Bands.

Dynamic Lock
Dynamic Lock

Um exemplo da configuração do Dynamic Lock pode ser consultado neste tutorial.

Jogos

Durante o desenvolvimento do Anniversary Update, a Microsoft começou a trabalhar num conjunto de novas funcionalidades muito apreciadas pelas comunidades de jogadores com o objetivo de proporcionar a melhor experiência de jogabilidade tanto na Consola como no PC. Destas melhorias surgiram o Streaming a partir da Xbox e o Play Anywhere. Nos meses seguintes, esta área ganhou ainda mais atenção e o Creators Update vem tornar esta experiência ainda melhor.

Uma das novidades é a nova área “Jogos” incluída nas Definições do Windows 10 e a Barra de Jogo melhorada que permite capturar ecrãs, gravar clips e fazer transmissão de jogos.

Settings
Definições do Windows 10

Outra nova funcionalidade muito bem-recebida por parte dos jogadores é o Modo de Jogo. Esta opção vai permitir ao sistema otimizar e alocar mais recursos ao jogo que estiver em execução.

Os jogadores que gostam de partilhar as suas habilidades com outros, podem a partir de agora usar a plataforma Beam para este efeito. Acedendo ao site e adicionando a sua conta Xbox Live, os utilizadores podem fazer a transmissão em direto dos seus jogos e usar o sistema de chat integrado para trocar ideias com os restantes membros da comunidade.

Game Bar Settings
Barra de Jogo

Gravador de Jogo recebeu melhorias na captura de imagem e gravação dos jogos que podem depois ser partilhados, guardados localmente,  editados etc. Estas novidades incluem opções para ajustar os tempos máximos de gravação e a possibilidade de fazer as gravações em background. A lista de jogos compatíveis com esta opção também cresceu significativamente.

Para obter mais informações sobre estas e outras opções, consulte a seguinte informação: Suporte Xbox no Windows 10.

Menu Iniciar

Regressado ao Windows 10 na versão 1507, o Menu Iniciar continua a receber imenso feedback por parte dos utilizadores e o resultado tem-se traduzido na implementação de novas funcionalidades e opções de personalização. No Creators Update apesar de não haverem alterações de fundo, a Microsoft introduziu na versão PC uma opção que os utilizadores da versão Mobile do Windows 10 já estão acostumados a usar. A opção “Tile Folder” permite ter um grupo de aplicações dentro de uma única pasta no Menu Iniciar e expansível com um único clique.

Start Menu
Menu Iniciar: Tile Folder

Personalização

Após o lançamento do Anniversary Update, a Microsoft pegou no ponto onde ficou em termos de personalização e nos meses seguintes, começou a divulgar algumas das novidades que iria implementar no Creators Update. Depois de instalar esta atualização, os utilizadores vão encontrar nas definições de personalização opções como “Cores Recentes” que lista as 5 cores do Windows usadas mais recentemente, ou as “Cores Personalizadas” que permite a criação de cores com recurso ao color picker ou a introdução de códigos RGB e HEX.

Color Pallet
Cores Personalizadas

A mudança mais significativa é transição dos Temas do Painel de Controlo clássico para as definições de Personalização do Windows 10. A partir desta nova localização, os utilizadores podem instalar, gerir e obter novos Temas diretamente da Loja Windows que conta atualmente com cerca de 160 Temas.

Poderá saber mais sobre a instalação de Temas no Creators Update no seguinte tutorial: Como instalar Temas no Windows 10 a partir da Store.

Themes
Temas

Luz noturna

A luz azul que emana dos nossos PC é, segundo alguns estudos recentes sobre a qualidade do sono, uma das principais causas para uma noite mal dormida. O nosso cérebro recebe esta informação como se de luz do dia se tratasse e inibe a produção da melatonina, uma hormona essencial que ajuda a regular os ciclos do sono.

Para ajudar a minimizar estes efeitos, a Microsoft introduziu no Creators Update a “Night Light”, uma nova definição que ajusta a quantidade de luz azul emitida pelo ecrã. Das opções disponíveis, podemos ajustar a temperatura da cor emitida pelo ecrã, agendar a ativação automática da Luz noturna de acordo com um horário especifico ou através da opção “Pôr do Sol – Nascer do Sol”.

Night Light
Night Light

Esta é sem dúvida umas nas novidades do Creators Update que mais gosto.

Windows Update

Tal como na Privacidade, os utilizadores têm sido muito vocais em relação ao Windows Update, sobretudo pela falta de opções que permita um maior controlo sobre a altura em que são instaladas as atualizações. Tendo em conta este feedback, a Microsoft tem vindo ao longo dos meses a fazer algumas alterações neste sentido, nomeadamente com a implementação de opções como as “Horas de atividade” ou o “Diferir atualizações”.

No Creators Update, a Microsoft fez novas alterações que devolvem mais algum do controlo pedido pelos utilizadores, e implementou outras que melhoram significativamente a performance do Windows Update. Vejamos algumas delas:

Acedendo às Definições do Windows Update, os utilizadores conseguem saber o estado das atualizações através do novo ícone de status.

Windows Update Status
Windows Update

Agora é possível expandir as Horas de atividade até um máximo de 18 horas por dia, período entre o qual o Windows Update não faz download nem reinicia o PC para concluir a instalação de atualizações. Esta alteração está disponível tanto na edição Pro como na edição Home do Windows 10.

Active Hours
Horas de atividade

Através da ativação de uma nova definição, existe agora a possibilidade de receber mais notificações sobre atualizações pendentes de restart.

Na edição Pro do Windows 10, foi incluída uma nova opção que permite pausar a instalação de atualizações durante 7 dias. Ao fim deste período, para usar novamente esta opção é necessário instalar todas as atualizações pendentes. Nas opções avançadas do Windows Update, é possível decidir quando receber atualizações de funcionalidades através da escolha do tipo de Branch (Current ou Current for Business), diferir a mesma até 365 dias e diferir atualizações de qualidade até 30 dias.

Advanced options
Windows Update: opções avançadas

O UUP (Unified Update Platform) foi implementado no Creators Update para melhorar a performance do Windows Update e para diminuir a largura de banda usada no download das atualizações.

A partir de agora, os utilizadores recebem “Deltas” das atualizações cumulativas/funcionalidades cujo tamanho é cerca de 35% inferior ao modelo utilizado anteriormente.UUPPoderá consultar os seguintes tutoriais para saber como fazer algumas destas configurações:

Outras novidades

Para além das novidades descrita anteriormente e que se podem enquadrar nas de mais relevo, o Creators Update possuir mais algumas que merecem ser igualmente referidas neste artigo, tais como:

  • Controlo sobre a instalação de Apps
  • Experiencias partilhadas
  • Share Dialog
  • Troubleshooters
  • Storage Sence
  • Compact Overlay
  • Hyper-V: Quick Create
  • Gestos Touchpad

Funcionalidades não incluídas, deprecadas ou removidas do Creators Update

Durante o anuncio oficial do Creators Update em outubro passado, a Microsoft fez uma demonstração muito interessante da funcionalidade “My People”. Esta nova toolbar iria ser integrada na barra de tarefas do Windows 10 para permitir o acesso rápido aos contactos e facilitar a partilha de conteúdos. Em janeiro durante o lançamento da Build 15014, a Microsoft informou que o My People não estaria pronto a tempo de ser incluído no Creators Update por problemas de qualidade do produto, ficando a sua disponibilização adiada até ao lançamento da “Redstone 3”.

My People
My People

Neste mesmo anuncio e durante as demos 3D/Realidade Mista, a Microsoft referiu que fabricantes como a Lenovo, HP e Dell, iriam colocar no mercado pela altura da disponibilização do Creators Update os seus primeiros HMDs compatíveis com estes ambientes. A 29 de março, a Microsoft faz referencia aos preços destes equipamentos e indica que a sua comercialização por parte dos fabricantes só se verificará numa fase muito posterior ao lançamento do Creators Update. Fica então adiada por agora a possibilidade de usufruir em pleno da Realidade Mista no Windows 10.

HMD
HMDs

No que se refere a funcionalidades removidas do Creators Update, a Microsoft faz referencia à execução automática do Flash no Edge, ao ISD (Interactive Service Detection), ao Microsoft Paint nas versões que não são 100% localizadas, ao WSUS no Windows Mobile, entre outras.

Na lista das funcionalidades deprecadas consta o Apps Corner, o Apndatabase.xml, o Tile Data Layer, o TCPChimney, entre outras.

Mais detalhes sobre esta lista podem ser consultados no seguinte link: https://support.microsoft.com/en-us/help/4014193/features-that-are-removed-or-deprecated-in-windows-10-creators-update

Enterprise Features

Como referi na introdução deste artigo, esta atualização não traz apenas novidades para o Consumo. O Creators Update foi desenhado para ambientes IT modernos e possui novas funcionalidades que ajudam os IT Pros a gerir e manter seguros equipamentos e  dados das suas organizações.

As empresas que usam o Windows 10 passam a usufruir de um conjunto de serviços que permitem uma atualização continua dos seus equipamentos, mantendo-os sempre funcionais e seguros.

Começando pelas melhorias no WaaS (Windows as a Service), o Creators Update vai permitir um maior controlo sobre quando os equipamentos recebem atualizações (funcionalidades e cumulativas) através do Windows Update for Business. Através do Update Compliance, será possível monitorizar o progresso da instalação destas atualizações.

Update Compliance
Update Compliance

O suporte ao Express Update é expandido também ao Configuration Manager.

A versão 1703 do Windows 10 oferece ainda aos IT Pros as seguintes funcionalidade:

  • Windows Configuration Designer e novos cmdlets PowerShell que ajudam a automatizar os processos de deploy.
  • O MBR2GTP que ajuda a converter discos de MBR para GTP sem modificar ou eliminar dados do disco.
  • Melhorias no suporte MDM para gestão e implementação de políticas de segurança em dispositivos móveis.
  • Novas funcionalidades no WSL (Windows Subsystem for Linux).
  • Novas opções de display que incluem melhorias no scaling DPI e o Nightlight.
  • Melhorias no Hyper-V onde se incluem o “Quick Create” ou o redimensionamento de janelas no modo “Enhanced session”.
Quick Create
Hyper-V: Quick Create

Ao nível da segurança, o Windows Hello for Business foi melhorado para suportar também autenticação em empresas que usam AD on-premises, e o ATP (Windows Defender Advanced Threat Protection) recebeu novas capacidades como a possibilidade de criar alertas sobre ameaças mais inteligentes, investigar contas de utilizador especificas e iniciar medidas de contenção numa máquina ou ficheiros para eliminar uma ameaça.Windows Hello AuthenticationInformações mais detalhadas sobre estas e outras novidades podem ser consultadas no seguinte link: https://blogs.technet.microsoft.com/windowsitpro/2017/04/05/whats-new-for-it-pros-in-the-windows-10-creators-update/

Conclusão

Em conclusão, a Build 15063 chega aos utilizadores estável e com melhorias significativas em termos de performance e experiência de utilização. O processo de instalação é em tudo igual às atualizações anteriores, pelo que não deverá trazer problemas à maioria dos utilizadores. De referir apenas que existem outras novidades que merecem ser exploradas e que não foram abordadas neste artigo. Caso ainda não tenha ainda instalado o Creators Update, não deixe então de explorar estas e outras novidades.

Publicado na edição 56 (PDF) da Revista PROGRAMAR.