José Martins

Natural do Porto, autodidata. Iniciou-se no mundo das tecnologias com um Sinclair ZX-81 onde aprendeu a programar em basic e assembler. Ao longo de 25 anos ligados às tecnologias, passou por quase todas as linguagens de programação, até que decidiu “assentar praça” com JAVA. Atualmente trabalha na PJ Silva Lda, onde desenvolve projetos ligados à monitorização do ensino prático da condução automóvel.

API Rest com Spring Boot (parte 1)

No mundo Java, o framework open source Spring, não sendo o único, é quase um standard para quem pretende adotar um padrão de injeção de dependências / MVC, que nos facilita bastante a vida pois permite que nos concentremos essencialmente nas business rules evitando ter de desenvolver as partes mais trabalhosas as quais são geridas pelo framework. De uma forma simplificada, podemos então dizer que o Spring é um framework de injeção de dependências, capaz de gerir o ciclo de vida dos diversos componentes e que inclui módulos (ou projetos), bastante robustos e com provas dadas, que nos permitem interligar um enorme número de tecnologias bastante comuns em Java.

Continuar a ler